Com a proximidade da Copa do Mundo e do São João, os soteropolitanos começam a se mobilizar para comprarem fogos de artifício. Porém, a feira especializada na comercialização desses produtos, que esse ano está novamente sendo montada no bairro de Stella Maris, ainda não foi inaugurada. A alternativa, por enquanto, é buscar pontos de venda avulsos – a maioria não autorizada.

A reportagem de A TARDE circulou por bairros populares de Salvador e encontrou barracas e mesas montadas em Itacaranha, São Rafael, São Joaquim e nas avenidas Suburbana e Barros Reis, onde é possível encontrar os fogos – em pontos de venda improvisados – com facilidade.

Traques, estalos bebê e chuva de prata atraem a atenção das crianças, mas acabam servindo como um indicativo de possíveis locais onde o consumidor pode encontrar foguetes e bombas.Estocados em depósitos de produtos comuns – geralmente nos fundos das lojas – esses fogos podem representar um risco aos consumidores.Ouricuri em Foco

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here