Polícia Federal apreende drogas que haviam sido enviadas pelos Correios em Pernambuco

Encomendas nos Correios que continham entorpecentes foram apreendidas e interceptadas pela Polícia Federal em Pernambuco e pelos Correios na última sexta-feira. Foram encontrados 25 micropontos de LSD, 11 comprimidos de ecstasy, 10 gramas de haxixe e 235 gramas de maconha. A apreensão ocorreu em parceria com os Correios. Os destinatários eram da cidade do Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife (RMR), e do bairro de Casa Amarela, na Zona Norte da capital pernambucana.

 

 

Eles foram identificados e autuados por meio de um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por terem comprado, para consumo pessoa, drogas sem autorização ou em desacordo com determinação legal. As penas variam de prestação de serviços à comunidade a medidas de comparecimento à programa ou curso educativo. Segundo a polícia, as investigações agora vão tentar identificar quem estaria fornecendo as drogas.

 

 

Se for identificado que os destinatários também fazem parte da rede de fornecedores, eles podem ser indiciados por tráfico interestadual de drogas, com penas que variam de cinco a 15 anos de reclusão. Ainda de acordo com a polícia, devido à pandemia do novo coronavírus, está havendo tentativas de envio de entorpecentes pelos Correios e têm sido identificados nas redes sociais grupos que fazem essas vendas.

 

 

No último dia 26 de maio, a PF em São Mateus, no Espírito Santo, também em parceria com os Correios, apreendeu suspeito e 51 comprimidos de ecstasy em uma encomenda no município de Jaguaré (ES). Já no dia 27 do mesmo mês, na operação Delivery, a PF prendeu dois suspeitos e apreendeu 400 comprimidos de ecstasy em Aracaju, em Sergipe. Eles utilizavam aparelhos celulares para oferecer droga aos clientes nas redes sociais.

 

 

Fonte: PE Notícias

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *