A Secretaria de Meio Ambiente de Três Marias, no Noroeste de Minas, afirmou nesta sexta-feira (22)  que análises da água do Rio São Francisco continuam sem registros de resíduos da lama da barragem da Vale em Brumadinho, que se rompeu no dia 25 de janeiro deste ano.

Segundo o secretário, Roberto Coelho, as análises são feitas diariamente e cerca de 35 mil habitantes são atendidos com a água captada e tratada no município. “Nós verificamos diariamente estes dados. A água continua própria para ser consumida. Ela é captada, tratada e distribuída para cerca de 35 mil habitantes”, diz Coelho.

O secretário deu a declaração sobre a potabilidade da água após a divulgação de um relatório da Fundação SOS Mata Atlântica, que afirmou que a lama de Brumadinho já chegou à Bacia do Rio São Francisco.

Coelho afirma que a Fundação não é o órgão responsável no município para fazer a análise e não tem nenhum registro de que o estudo feito pela SOS Mata Atlântica tenha sido acompanhado pelos órgãos oficiais.

“Nós contestamos, pois temos a Copasa, prefeitura, Igam e o Comitê de Bacias que acompanham diariamente as análises. Estes órgãos atestam a qualidade da água. Caso a lama chegue, o que é pouco provável, nós seremos os primeiros a divulgar para a população”.

A Agência Nacional das Águas (ANA) também não concorda com os dados apresentados pelo relatório. Segundo a ANA, os rejeitos da barragem da Vale em Brumadinho nem chegaram ainda na Usina Hidrelétrica de Retiro Baixo, que fica rio acima, a 29 Km de distância de 3 Marias.

Relatório

A Fundação SOS Mata Atlântica realizou coletas de água entre os dias 8 e 14 de março no Rio Paraopeba até o Alto São Francisco. De acordo com a Fundação, nove desta coletas foram feitas dentro do Reservatório de Três Marias.

No resultado divulgado nesta sexta-feira, a Fundação afirma que foram detectadas concentrações de ferro, manganês, cromo e cobre acima dos limites máximos permitidos na legislação.

Por Zito Santos – Jornalista 6276 SC

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here