Após sair da Delegacia de Polícia de Crimes contra a Administração Pública da Capital (Decasp), a delegada Patrícia Domingos deve integrar a equipe do ministro Sergio Moro e atuar na Secretaria Nacional de Segurança Pública, em Brasília. Patrícia aceitou o convite e a expectativa agora é pela liberação do governo de Pernambuco.

Depois da polêmica extinção da Decasp, aprovada pela Assembleia Legislativa de Pernambuco em outubro do ano passado, Patrícia foi transferida para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A delegada, que comandou as operações que resultaram na prisão de políticos e empresários, foi substituída por Sylvana Lellis no Departamento de Repressão ao Crime Organizado (Draco), criado no lugar da Decasp.

O Projeto de Lei que pedia o fim da delegacia é de autoria do Executivo Estadual e recebeu 36 votos favoráveis e quatro contrários. Além de tirar a Decasp e a Delegacia de Crimes contra a Propriedade Imaterial (Deprim) da estrutura organizacional da Polícia Civil do estado, a proposta também previa a criação do Draco.

Por Zito Santos Jornalista DRT 6276 SC

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here